Sábado, 15 de Junho de 2024
21°

Parcialmente nublado

Brasília, DF

Senado Federal Senado Federal

Plínio comemora relatório que aprova pavimentação da BR-319

Em pronunciamento nesta terça-feira (11), o senador Plínio Valério (PSDB-AM) celebrou a divulgação de um relatório que afirma que a pavimentação da...

11/06/2024 às 18h45
Por: Divino Candido Fonte: Agência Senado
Compartilhe:
 - Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado
- Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

Em pronunciamento nesta terça-feira (11), o senador Plínio Valério (PSDB-AM) celebrou a divulgação de um relatório que afirma que a pavimentação da rodovia BR-319 é tecnicamente viável e ambientalmente sustentável. O relatório é resultado de um estudo coordenado pelo Ministério dos Transportes, que envolveu a participação de 11 ministérios e nove entidades, incluindo sindicatos, Ibama, Funai, universidades e técnicos do Ministério do Meio Ambiente.

Para Plínio, a ministra Marina Silva sofreu uma derrota. Ao criticar a postura da ministra, o senador argumentou que ela é contrária ao desenvolvimento da Amazônia e que os argumentos dela foram "reduzidos a pó" pelo relatório. Por outro lado, ele elogiou o trabalho do ministro dos Transportes, Renan Filho, com quem tem discutido a situação dos moradores da Amazônia.

— Temos ouvido a ministra Marina Silva, com seu "santuarismo" birrento, assegurar que faria de tudo para barrar a recuperação da rodovia BR-319. Para isso, ela se prendia, e tudo indica que ainda se prende, a dois dogmas tão empedernidos como se fossem verdades divinas sopradas por algum modernismo, por alguém que se julga Moisés. Primeiro, que a recuperação da BR-319 serviria apenas para desmatadores penetrarem na Amazônia, e, segundo, que nenhuma necessidade haveria dessa reabertura da estrada senão permitir que a burguesia amazônida passeasse por lá com seus carros de luxo. Ela disse durante a CPI das ONGs que não iria permitir a construção de uma rodovia para que nós amazonenses fôssemos passear de carro por essa rodovia, um absurdo que por mim foi contestado na época.

Plínio destacou que, de acordo com o relatório, o primeiro passo para agilizar as obras de recuperação da BR-319 é a retomada da pavimentação do Lote C, como parte das ações para que a rodovia tenha trafegabilidade em todos os períodos do ano. Ele ressaltou que a previsão do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) é para que a retomada das obras ocorra no início do segundo semestre de 2024.

— Mais cedo ou mais tarde, a BR-319 será recuperada. Esperamos que o "santuarismo", repito, retrógrado, e o servilismo aos piores interesses das potências internacionais sejam abandonados pelo poder público e possamos contar com um Brasil melhor e mais acolhedor para a sua população — afirmou.