Quinta, 23 de Maio de 2024
18°

Tempo limpo

Brasília, DF

Ação Social Social

Em abertura da 1ª Semana da Mulher, participantes destacam sororidade e protestam contra o feminicídio

Na abertura da 1ª Semana da Mulher da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), na tarde desta segunda-feira (18), na Praça do Servidor, o pre...

18/03/2024 às 17h45
Por: Divino Candido Fonte: Agência CLDF
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Agência CLDF
Foto: Reprodução/Agência CLDF

Na abertura da 1ª Semana da Mulher da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), na tarde desta segunda-feira (18), na Praça do Servidor, o presidente da CLDF, deputado Wellington Luiz (MDB), destacou a importância do segmento: “Hoje o mundo está avançando porque as mulheres estão ocupando os espaços”. Ele citou deputadas, secretárias e comandantes de órgãos de segurança pública presentes, “mulheres em pontos estratégicos que tão bem representam seus papeis”. O presidente rechaçou os casos de feminicídio, cometidos por “homens covardes”, e reforçou o compromisso da atual legislatura no combate à violência contra a mulher.

“A Câmara Legislativa tem abraçado a causa da mulher”, endossou a procuradora Especial da Mulher da CLDF, deputada Dayse Amarilio (PSB). Ela enfatizou o tema desta edição, “Fortalecendo laços, construindo futuro”, dedicada a celebrar e fortalecer o papel da mulher na sociedade. “Essa causa é de toda sociedade”, pontuou, ao chamar a atenção para o necessário engajamento dos homens.


Amarilio ponderou que, por um lado, as mulheres têm avançado, entrando em espaços anteriormente ocupados apenas por homens, mas, por outro, sofrido com a violência. “A vida com plenitude é um direito”, defendeu, caminho que será viável com “a sororidade entre as mulheres, o respeito dos homens e a proteção do Estado”, esclareceu. A união entre as mulheres parlamentares da CLDF foi exaltada pela deputada Jaqueline Silva (MDB).

Tarefa árdua

Por sua vez, a Secretaria da Mulher do DF, Giselle Ferreira, lembrou os desafios da pauta, que engloba atuações transversais. “A tarefa é árdua, mas não é impossível se estivermos unidos”, corroborou a secretária de Saúde do DF, Lucilene Florêncio. Também enfatizou a força e a sororidade entre as mulheres a secretária de Educação, Hélvia Paranaguá. Todas as secretárias protestaram contra o feminicídio, crime que não pode mais ser tolerado, segundo o secretário executivo de Segurança Pública do DF, Alexandre Patury, que elencou estratégias de educação, segurança e cultura. “O que se quer é que o não seja não, e o direito de viver em paz”, afimou.

Várias autoridades e parceiros da Semana da Mulher cumprimentaram a CLDF pela organização do evento. A abertura oficial, transmitida ao vivo pela TV Distrital e YouTube , com tradução simultânea em Libras, contou também com apresentações culturais.

Atendimentos e Serviços

A Semana da Mulher promove diversas atividades, que acontecem entre hoje (18) e quarta-feira (20) na Casa. Logo mais, o projeto Meninos de Ouro oferece a oficina de defesa pessoal. 
Amanhã (19), além de palestras e rodas de conversa, os espaços Mulher Empreendedora e Mulher Cidadã vão prestar atendimentos e serviços gratuitos, com a colaboração de secretarias e órgãos do governo, como imunização contra hepatite B, tétano, febre amarela, tríplice viral, dengue 10 a 14 anos e testes rápidos para HIV, hepatites e sífilis, oferecidos pela Secretaria de Saúde do DF. 
Já a Secretaria da Mulher do DF fará, no ônibus lilás, o acolhimento e atendimento a vítimas de violência, e a Secretaria de Educação do DF vai apresentar projetos pedagógicos de escolas públicas relacionados ao combate à violência contra a mulher. 
A Defensoria Pública do Distrito Federal dará orientação jurídica em ações como divórcio, pensão alimentícia e guarda, além de atendimento psicossocial, e a Defensoria Pública da União atuará na orientação jurídica e cidadã, auxiliando em certidões de nascimento, casamento e óbito, Bolsa Família, aposentadoria, pensão, entre outros.
Os participantes do evento também vão contar com ações da Polícia Civil do DF, na emissão da nova identidade; do SESC SAÚDE, com consultas médicas; e da Associação Brasileira de Enfermagem, com orientações relacionadas à saúde e métodos contraceptivos. Em oficinas de beleza, os parceiros da Hair Brasília vão oferecer maquiagem, corte, escova e penteados ao público.
Para acessar a programação completa, clique aqui
Leia Mais
CLDF ganha 13ª comissão permanente, a do direito das mulheres

Franci Moraes - Agência CLDF